quarta-feira, 11 de março de 2009

Pega ladrão !

Eram quase nove horas da noite de uma quarta-feira.

Eu havia saído do restaurante, estava dentro do carro estacionado em frente ao calçadão e esperando que meu amigo Robinho preparasse um lanche para eu levar para casa.

De repente me viro para a esquerda, em direção a 1ª Igreja Batista, e vejo um homem correndo em disparada, perseguido por outros dois que gritavam repetidamente: “Pega ladrão, pega ladrão !!!”.




Enquanto o meliante passava correndo pela avenida principal, as pessoas não faziam nada para impedir sua fuga; simplesmente saíam do caminho e o deixavam passar, apesar dos brados enrouquecidos e ofegantes de seus perseguidores a poucos metros atrás.

Liguei o motor do carro e resolvi acompanhar o desenrolar daquela cena... de camarote. Para minha surpresa, ao virar duas esquinas à frente, já não havia mais correria. O ladrão havia conseguido fugir.

Mas, porque as pessoas não o impediram? Bastava um esbarrãozinho para desequilibrá-lo e o teriam pego.

A resposta é óbvia. O medo de ficar marcado por um bandidozinho de quinta categoria. Afinal, quem quer virar alvo de perseguição de foras-da-lei? A polícia não consegue manter preso por muito tempo esse tipo de gente e logo estão de volta às ruas perturbando gente honesta.

A corrupção está crescendo tanto no gênero humano que fico a pensar no dilúvio que varreu a terra há muitos milênios e destruiu praticamente tudo que existia, exceto os tripulantes e “passageiros” da Arca de Noé.

A Bíblia diz que a maldade dos homens era tão grande naquele tempo, “...que todos os pensamentos do seu coração eram só maus continuamente...” E Deus decidiu destruir a tudo o que havia criado.

Infelizmente, ao pegar a bíblia e analisar o perfil dos homens daquela época, logo percebemos, com tristeza e vergonha, que nossa sociedade também já devia ter descido pelo ralo há tempos.

O que fazer? Como agir? Como se proteger? Que atitude tomar?
São perguntas aparentemente sem respostas nesse mundo incerto. No tempo de Noé, a Arca foi a única alternativa de escape. E hoje ??

Voltando ao caso do ladrão, cheguei à conclusão que eu também seria um covarde e não arriscaria minha tranqüilidade por tão pouco. Os antigos já diziam: “antes ser um covarde vivo, do que um valente morto’.

Mas eu continuo achando que se a mídia parasse de dar publicidade gratuita para marginais e o governo investisse pesado na vigilância de aeroportos e fronteiras para coibir a entrada de drogas no pais, o cidadão de bem não ficaria amedrontado e mais gente se arriscaria na defesa dos ideais da justiça e igualdade previstos em lei.

Até o próprio marginal, se não ficasse vendo notícias de seus comparsas pelos meios de comunicação, se intimidaria mais e passaria à ter a sensação de estar agindo sozinho.

Essa fórmula é usada nos paises desenvolvidos e tem dado certo, mas por aqui, com certeza isso ainda vai demorar muito e, infelizmente, temos que forçosamente continua convivendo com esse quadro de violência que extrapola os limites aceitáveis.

Quem sabe um dilúvio de “fogo” não seria a melhor receita para extirpar todo o mal que assola a humanidade contemporânea.

E o que seria a arca de Noé moderna? Já parou pra pensar ???
Mas essa é uma outra história para um outro dia...

7 comentários:

Shirle disse...

É Roberto a situação tá difícil, em T.O a mídia local ("De olho na cidade" quem mais parece programa de humor que jornalismo)tem colocado que nossa segurança está um caos (msm vendo mais policia que gente nas ruas), a todo intante fazem um enorme drama com uma morte, tenho a convicção que isso realmente dá forças para que marginais se sintam dominando a cidade, mas, um ponto a se analisar é quem morre e pq ( não que eu acredite que exista um motivo para assassinato, mas as circustancias fazem toda a diferença).
Outro dia conversava com umas pessoas sobre denúncia, pq assassinatos aqui ocorrem a luz do dia (ao lado da casa de Chico, rs) e em publico... e chegamos a conclusão de que não vale a pena denunciar, a policia não tem como oferencer a segurança necessaria aos "corajosos" e bandido (no nosso caso aqui) além de não fazer mal as "pessoas de bem" existem casos em que são eles que fazem a "segurança".
Em que mindo nós vivemos, hj vejo armados meninos com quem joguei bola de gude e tomavamos banho de mangueira no quintal, presos os que jogavam futebol comigo... conseguimos achar um "mal menor" que matem bandidos e não cidadãos de bem... e o nosso valor como seres humanos? A ideia da nova arca não é má... que bom que o Senhor Deus em sua perfeição já pensou em tudo... caminhemos firmes para a NOVA CANAÃ onde não haverá nem pranto e nem dor...

Ps.: cuidado nos coments que Chico, Leleka e Flávia moram em áreas perigosas e tem "contatos"...kkkk

JUNINHO DE MELO disse...

RARARA!!!
OLHA QUEM FALA MORADORA DA MATINHA...
E HJ EM DIA NAUM PODEMOS MAIS DIZER QUE SÓ QUE MORRA EM LOCAIS MAIS PROPICIOS A VIOLENCIA ESTAO CORRENDO RISCO NÃO POIS A VIOLENCIA PARECE NÃO TER MAIS JEITO...
ESTAO AGINDO SEM MEDO, SEM PREOCUPAÇÃO E SEM PUDOR HJ EM DIA...
TEM CASOS AQUI NE NOSSA CIDADE DE BANDIDOS ESTAO EXECUTNADO UNS AOS OUTROS A LUZ DO DIA...EM PUBLICO OU SOZINHOS... NÃO TEM MAIS MEDO NÃO SÃO MUITO SANGUE FRIUS...
HA ALGUM RTEMPO SO SE OUVIA FALAR EM ''MATANÇA'' DIGAMOS ASSIM, AS MADRUGADAS DA VIDA... MAIS HJ EM DIA NUM TEM MAIS HORA CERTA NÃO PODE SER AS 07:00 DA MANHA ANTES DELES TOMAREM O SEU CAFE, AS 12:00 PRA PODEREM ALMOÇAREM EM ''PAZ'' OU AS 21:00 DA NOITE PRA TEREM UMA ''BOA NOITE DE SONO'' COMO SE ISSO FOSSE UMA COISA TAO NORMALS DO DIA A DIA DE TODOS...
É DE ASSUSTAR O RUMO QUE AS COISAS ESTAO TOMANDO MESMO...
ALGUMA SOLUÇOA TEM QUE SER TOMADA EM RELAÇAO A ESSE ASSUNTO...
SEI LA...
REDUÇÃO DA MENOR IDADE PARA 16 ANOS, POIS SE PEDEM ESCOLHER UM PRESIDENTE PQ NÃO PODEM RESPONDER PELOS SEUS ATOS?
AUMENTO DAS PENAS, PRA VER SE ASSIM FICAM MAIS TEMPO LONGE DAS RUAS.
ALUGUMA COISA TEM QUE SER FEITA... O QUE NÃO PODE É DEIXAR AS COISAS COMO ESTAO, A TENDENCIA É SO DE AUMENTAR...

adiretoria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
adiretoria disse...

BOM...ESSE ASSUNTO FOI FALADO NESTA SEMANA EM DISCURSOES QUE EU PARTICIPEI...CONCLUSÃO: HOJE NÃO SE VIVE A PAZ, VIVE A GUERRA!..infelizmente...O COMENTARIO ACABA AQUI.

Deivedis disse...

O roberto nao quiz fala pra vcs!

mas eu sei que ele pego o carro e chego perto de individuo e abriu a porta, bateno no sujeito desmaiando o MESMO... haeuheaueah

Da-lhe ROBERTO

haeueahueahea

Shirle disse...

Robert Chan? Só na cabecinha do Deivedis msm...(^^)

patricia disse...

é infelizmente a cada dia que passa vemos violencia em cima de violencia ,mais fazer o que né, isso é para se cumprir o que diz as sagradas escrituras que ia chegar o tempo em que haveria filhos contra pais e pais contra filhos,esse tempo chegou e é esse em que só a pessoas de coração má que vivem para infenizar a vida dos outros para roubar o que o outro lutou tanto para conseguir e essa violencia e tanta que nem os policiais dão conta.As pessoas ja andam na rua sismadas com medo de serem assaltadas e até mesmo mortas por tão pouco,o que temos a fazer é apenas pedir Deus a proteção e misericordia por que o mundo não vai mudar!!!!